quarta-feira, setembro 07, 2005

Fragmentus Suburbia (3): ponto sem retorno

Ela acreditava em regressos.
Sabiam-lhe tão bem as esperas.
«Demora-te!», disse-lhe um dia, em sussurro.
(...)
Todos os comboios vão dar a Roma. Até o dela.

1 comentário:

Carapuço disse...

eu acredito em esperas. Sabem-me tão bem os regressos!